domingo, 17 de outubro de 2010


Em meios aos instantes a minha mente voa, é calmo e é escuro mas nada confortável.
No caminho entre duas passagens sempre há algo mais fácil pra se alcançar, e eu como sempre nem sei por onde começar.
Continuo voando com minha mente em meio aos arredores da terrivel dor de gostar de alguém, ele estando longe, ele estando perto.
Eu preciso mesmo é de algo que me acalme, que tire a minha mente do meio das nuvens flutuantes de uma mera imaginação constante.
Reações:

2 comentários:

  1. mais profundo q shakspeare! sahuashuhsauhasuh


    Amei essa, e na outra eu naum vou comentar pq vc sabe q q passa na minha mente né?! heuheuheu


    te amoo! ;)

    ResponderExcluir
  2. Uiiia foooii longe né? KKK
    E óii pode mudar o seu conceito quanto a outra viiuh ?


    loveU!

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.